Encontre aqui o melhor da região.
Background Image

Falta de mão de obra dificulta a contratação na área de TI

TI

Fluência na língua inglesa é essencial para contratação. Escolas trazem cursos voltados aos adultos para atender esta demanda

Em tempos digitais, é difícil encontrar um mercado de trabalho tão aquecido quanto o da tecnologia da informação. A área necessitará no Brasil de quase 450 mil novos profissionais qualificados até 2019, segundo estudo da Network skills in Latin America, desenvolvido pela consultoria IDC. Os salários variam entre R$ 1,5 mil a R$ 40 mil, segundo consultoria da Robert Half.

Porém, apesar da demanda, dos atrativos da área, e dos altos níveis de desempregados no país, as empresas de tecnologia sofrem para conseguir preencher as vagas, pois ainda faltam profissionais qualificados. O conhecimento de um segundo idioma, por exemplo, é fundamental para entrar na disputa pelos novos postos de trabalho.

Imersão no conhecimento

As melhores vagas estão reservadas para quem está mais bem qualificado. Tanto que, segundo pesquisa da Catho, o domínio do idioma, garante salários 61% mais altos, em todas as carreiras.

Atentas a esta demanda do mercado, as escolas de idiomas estão investindo em cursos voltados para o público adulto, com aulas diferenciadas, novas metodologias e prazo curto para término. É possível, por exemplo, aprender o inglês com imersão em experiências, como explica diz João Paulo da Rocha Sad, proprietário da escola British and American em Sorocaba:

“Nós inserimos o inglês em aulas de culinária, de cultura, em bares e festas. A língua é a única que pode ser falada, mas o processo de ensino é bem diferente do que havia antes. É claro que o aluno recebe o conteúdo e adquire fluência na conversação, mas sem frases prontas e previsíveis. Ao aprender uma receita, por exemplo, ele tira dúvidas sobre o preparo do prato, em inglês. Isso torna o raciocínio mais ágil e serve como estímulo”, explica o empresário.

O método de ensino está dando tão certo que apenas nos dois primeiros meses do ano já foram feitas na escola 200 novas matrículas.

Estude e capacite-se

As novas técnicas de ensino aceleram o processo de aprendizagem do inglês, o que é fundamental para a disputa das vagas que estão surgindo. Este é um passo importante, mas não é o único para entrar em um mercado tão concorrido. Manter-se atualizado, entender os processos mais modernos, trabalhar a capacidade de liderança também podem trazer os diferenciais que garantem uma contratação.

Encontrar tempo hábil para se dedicar aos estudos, enfrentar questões financeiras que nos atrapalham e partir para os cursos de línguas e de capacitação podem ser os fatores que separam o desempregado de hoje de uma boa vaga no mercado amanhã.

Fonte: OS2 Comunicação

Leonardo Ramos

contato@optimus360.com

Leonardo Ramos, proprietário da Agência Optimus Digital e Inbound Marketing.

Deixe um comentário

avatar

Senha redefinida. Um link será enviado para o seu email