Encontre aqui o melhor da região.
Background Image

BULLYING – será que só acontece na escola? 

bullying

bullying é muito comentado no momento por ser o grande vilão que leva crianças e adolescentes aos nossos consultórios por serem vitimas e com graves consequências dessa prática abusiva. Mas afinal, o que é o bullying? 

BULLY – que dizer “valentão” – logo a prática se caracteriza por atitudes agressivas, que podem ser verbais ou físicas sendo intencionais e repetitivas, que ocorrem sem motivo aparente e são exercidas por um ou mais indivíduos (em geral dentro de uma relação desigual de poder – escolhe o mais franzino, mais tímido, aquele que teria menos capacidade de se defender)com o objetivo de intimidar ou agredir e consequentemente causando dor e angústia ao outro. 

Mas será que o bullying ocorre somente nas escolas? 

Não, existem diversos outros ambientes onde o bullying ocorre, porém muitas vezes não relacionamos os fatos como bullying por termos esse entendimento de que “somente ocorre com crianças e adolescentes e nas escolas”. 

Seguem alguns exemplos onde o bullying ocorre e passa “despercebido” talvez por nós, mas nunca por quem sofre a agressão (física ou verbal): 

TRABALHO: quantas vezes no ambiente de trabalho nos deparamos com situações onde alguém por abuso de poder humilha o outro, muitas vezes utilizando a agressão verbal relacionada a características físicas ou intelectuais do outro? Ex.: Incompetente! Você é incapaz de resolver algo, inútil. 

VIZINHOS: quando existem implicâncias entre vizinhos também existem bullying quando um ao tentar “ridicularizar” o outro usa de agressões verbais que contém características pessoais ou dos familiares dos outros. 

AMIGOS:  quantas vezes entre “amigos” sempre tem aquele que por ser por ex.: “o cabeção” é sempre diminuído em qualquer situação frente aos outros conhecidos ou não. Até onde esse individuo leva como brincadeira e até onde ele consegue reagir às mesmas? 

EM CASA: será que já paramos para pensar em quantas ocorrências temos no ambiente de casa? Quando os pais ou parentes dizem:  

– Esse é atordoado mesmo, não tem jeito!  

– Ah essa dai puxou a mãe, bem burrinha! 

E entre irmãos? Onde um judia do outro e se faz de “bonzinho” na frente dos pais?  

Reparem que assim como nas escolas, fora desse ambiente também existe uma questão de poder ou hierarquia presentes nas realizações dessa prática, quem pode mais se acha no direito de diminuir o outro. 

Mas quem é essa pessoa que tem prazer em humilhar o outro? Que se sente bem vendo o outro sofrer?  

Sabemos que traumas, desestrutura familiar, o vazio emocional entre outros, podem originar comportamentos agressivos como é a prática do bullying. Portanto, em atendimento ambos, a vítima e o agressor, recebem a mesma atenção,s ambos possuem grandes conteúdos para serem elaborados. 

Ao identificar uma situação de Bullying não devemos simplesmente dizer: – Não adianta fazer nada! Ah isso uma hora passa! Não liga faz de conta que não é com você! – essas coisas não ajudam o outro. 

Quando nos deparamos com situações iguais ou parecidas com os exemplos que citamos, pode parecer bobagem para alguns, mas sempre devemos considerar que cada um tem a sua subjetividade, que é a sua forma de encarar as situações, o que para um pode parecer uma bobagem para outro pode ser um desequilíbrio no emocional. Nós na terapia buscamos fortalecer esse individuo diante de situações onde ele tenha dificuldade em lidar com aquilo que o machuca emocionalmente e quanto antes se busca ajuda, menores as consequências futuras como: depressão, transtornos (como por ex.: TOC, borderline)síndrome do pânico, fobia social entre outros.  

Tem mais dúvidas sobre o assunto, entre em contato com a gente e participe com sugestões de temas para as próximas edições! 

Roberta Furuno A. Bonilha / Rodrigo S. A Bonilha 

Formação em psicanálise, fundamentos clínicos e especialização em psicanálise Infantil. 

E-Mail: psicanalisandocomvc@gmail.com   

Facebook : @psicanalisandocomvc  

 

Hannalee Motta

hanna@optimus360.com

Deixe um comentário

avatar

Senha redefinida. Um link será enviado para o seu email